PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

ENDEMIAS DE ALCANTARAS CRIA SELO DE PARCERIA

  AÇÃO VISA ESTIMULAR PARTICIPAÇÃO POPULAR NO COMBATE AO AEDES AEGYPIT
 Selo visa reconhecer parceria com a população (imagem reprodução)
Com a maior ocorrência de chuvas no período que vai de janeiro a abril, autoridades de saúde redobram os cuidados no combate ao causador de três grandes enfermidades no Brasil.

Em Alcântaras onde o serviço de endemias tem trabalho constantemente para manter controlado os casos de dengue, febre chicugunya e zika as ações de conscientização e prevenção tem sido expandidas com o intuito de estimular a população fazer sua parte e evitar um novo surto epidêmico na cidade.

Além das visitas domiciliares, telamento de caixas d'água, mutirões e palestras uma outra iniciativa visa fortalecer a participação popular no combate diário no que diz respeita a eliminação de focos potenciais de reprodução do Aedes Aegypit. A nova estratégia lançada pela Secretaria de Saúde, por meio do Serviço de Endemias se trata a concessão de um selo de parceria a ser fixado nos imóveis onde não forem encontrados focos de reprodução e criatórios de larvas.
O Selo intitulado "Mosquito Aqui Não"  já tem sido adotado em grandes centros urbanos como Fortaleza  e pode trazer bons resultados uma vez que também valoriza  o esforço dos moradores nesta luta.

Post. Francisco Freire

Nenhum comentário: