PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

segunda-feira, 18 de julho de 2016

IMAGEM DA SEMANA

 MESMO COM SECA CEARÁ PODERÁ TER AUMENTO DA SAFRA DE CASTANHA DE  CAJU
Produção de Caju em Alcântaras- foto Edilson Ângelo
Em muitos municípios do Ceará pomares inteiros de caju estão renovando a copa das árvores e iniciando a floração neste período pré-safra de 2016.
No Estado que responde por mais de 63% da produção nacional do fruto apesar da seca a estimativa do IBGE é que haja um aumento de 186% em relação a produção de 52 mil toneladas no ano passado, contabilizando assim uma  safra total de 149,3 mil toneladas de castanha até dezembro.
Com uma área plantada de 397,4 mil hectares de terra o Ceará é um dos maiores produtores da castanha de caju no Brasil. Já a Região Nordeste concentra quase 99% nacional do fruto que é cultivado principalmente em regiões litorâneas.
 A cidade de Alcântaras que mesmo situado em região serrana participa da cadeia exportando a castanha in natura, teve uma grande queda no volume produzido nos últimos anos,principalmente devido a infestação de pragas em pomares bem como a mortificação de cajueiros devido a seca, apesar o impacto produtores preparam-se para a colheita que ocorre geralmente no mês de setembro/outubro e que indiretamente movimenta a economia local.

Post.Francisco Freire

Nenhum comentário: