PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

sexta-feira, 5 de maio de 2017

PREFEITURA DE ALCANTARAS QUER ACABAR COM LICENÇA PRÊMIO E ANUÊNIO

 SINDICAN CONVOCA SERVIDORES PARA MANIFESTAÇÃO NA CÂMARA
Quatro vereadores são servidores, dois são da situação
O Prefeito de  Alcântaras, enviou mensagem à Câmara Municipal apresentando dois projetos de lei que revogam duas importantes conquistas do servidores da pequena cidade serrana, garantido nos últimos anos.

Em matéria a ser apresentada aos edis durante sessão ordinária marcada para esta sexta-feira(05), estão os projetos de Lei nº 20170424-2 de 24 de abril de 2017 que revoga o art 21 da Lei nº 532, de 1º de março de 2010 e o Projeto de Lei nº 20170224-3 de 24 de abril de 2017 que revoga p inciso VII do art.66 e os artigos 88 e 89 e art 113 da Lei 509 de 03 de novembro de 2008 que  tratam  da concessão de direitos trabalhistas como o adicional por tempo de serviço, Estabilidade Econômica e das gratificações e adicionais além da redução de carga horária para professores.

Na Câmara de Alcântaras, dos nove vereadores com assentos no parlamento, seis pertencem a bancada de situação e apenas quatro são servidores públicos efetivos do município, sendo eles Antônio Airton Albuquerque (PSD), Antônio Marcos Ximenes de Carvalho(PSD) e Antônia Maria de Jesus(PC do B) e Jonh Oliveira Albuquerque (PDT), que caso se demonstrem favoráveis aos projetos também serão afetados pela medida, alerta o SINDICAN que lançou chamado aberto para que todos os servidores compareçam a sessão para protestar contra ambas as proposições feitas pelo Prefeito Joaquim  Freire e traçar diálogo com todos os vereadores como forma de impedir o retrocesso.

Redação Online


Nenhum comentário: