PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

terça-feira, 30 de maio de 2017

FOCOS DO AEDES AEGYPIT SERÃO MONITORADOS PELA ENEL

COOPERAÇÃO ENTRE SESA E DISTRIBUIDORA CONTARÁ COM O APOIO DE LEITURISTAS
Maioria dos focos é registrada dentro das residências ( Foto Freire Filho)
As ações de combate a focos potenciais de proliferação do vetor de doenças como Zika, Chikugunya e Dengue vai ganhar reforço em todo no Ceará devido a atuação de 433 leituristas na Enel Distribuição Ceará que farão monitoramento de imóveis fechados e abandonados em todos os 184 municípios do Estado durante a leitura diária de medidores.

O objetivo da parceira vai fortalecer o combate ao Aedes Aegypit, considerando que a cada dois dias a companhia de distribuição de energia vai repassar um relatório com as informações dos leituristas para o Núcleo de Controle da Sesa que após análise acionará as prefeituras quanto as providências. Somente em Alcântaras onde existem 91 comunidades rurais serão visitados milhares de imóveis, o que segundo o Serviço de Endemias irá auxiliar no combate ao vetor.

Ainda de acordo com Eduardo Alcântara somente na sede são 1985 imóveis, incluindo os terrenos baldios distribuídos em 101 quarteirões. "Esta iniciativa é ótima, uma vez que tudo que vier para somar no combate é sempre bem vindo", destacou o coordenador de um grupo de 15 agentes de endemias que acompanham em média 21 comunidades na zona rural do pequeno município serrano

No Ceará, de acordo com o monitoramento das autoridades de saúde a maioria dos focos do Aedes aegypti são encontrados dentro de casa. Até o dia 25 deste mês o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Saúde do Estado confirmou 9.047 casos de dengue, com 3 óbitos, 31,482 casos de chikungunya com 14 mortes e 144 casos de zika.

Post.Francisco Freire

Nenhum comentário: