PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quarta-feira, 5 de abril de 2017

ALCÂNTARAS É DESTAQUE EM SEMINÁRIO ESTADUAL DE COMBATE AO AEDES AEGYPIT

 MUNICÍPIO ESTEVE ENTRE OS TRÊS DO CEARÁ QUE EXPUSERAM  SUAS EXPERIÊNCIAS
Coordenador de Endemias de Alcântaras ( Foto reprodução)
Sem casos confirmados há meses para as doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti o município de Alcântaras voltou a destacar-se pelo exemplo de superação no combate a problemática que atinge cidades de todo o país. 

No último dia 27 de março aconteceu na Assembléia Legislativa do Ceará, em Fortaleza, o Seminário Chikungunya – Conhecer para prevenir e combater: Experiências e atitudes no enfrentamento ao Aedes aegypti”.O evento que reuniu autoridades de saúde de todo o Ceará e de estados vizinhos, teve como representante da pequena cidade serrana o Coordenador de Endemias, Eduardo Alcântara, que em seu discurso expôs as estratégias adotadas pelo município ao longo de 2016 o que reduziram em até 98% os casos suspeitos no município. 

No Ceará, onde no mesmo período houve um aumento dos casos confirmados para a Febre Chicungunya até dezembro passado foram contabilizados mais de  48.085 casos suspeitos, com um percentual de 62% diagnósticados como positivos para a doença que registrou ainda 19 óbitos conforme o último expresso no último boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Estado. 

Devido este aumento, o secretário de Saúde de Goiais, Leonardo Vilela, esteve visitando o Estado para também explanar a experiência de Goiás como uma referência para criação de um plano de ação para combate ao Aedes aegypti no Ceará. A nível estadual além de Alcântaras também enfatizaram seus trabalhos no enfrentamento ao Aedes Aegypit os municípios de Itapajé e Pedra Branca.

Post.Francisco Freire

Nenhum comentário: