PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

sábado, 11 de março de 2017

CHUVAS RECUAM EM ALCÂNTARAS E 'ALAGAM' O SERTÃO

 EM COREAÚ PRECIPITAÇÕES DE FEVEREIRO FIZERAM AÇUDES ENCHER
Açude ao lado da CE 368 na chegada de Coreaú ( Foto: Freire Filho)
As chuvas que tem banhado o Ceará neste inicio de março, tem aliviado aos poucos os efeitos causados pela seca.

Na Serra da Meruoca, onde as chuvas recuaram na última semana em grande parte do município de Alcântaras, houve precipitações rápidas mas sem significativos acumulados pluviométricos.

Já na planície sertaneja que integra o Vale do Coreau a água já caída transformou a paisagem de reservatórios antes secos, como dois açudes situados na entrada de Coreaú que acumulam grande quantidade de água e que são explorados por moradores para a criação extensiva de peixes em boa parte do ano.

Somente nesta cidade, o total chovido neste ano já supera a casa dos 400 milímetros o que tem encharcado o solo do sertão, que também se encontra verdejante e ideal para o pastejo de bovinos, ovino e caprinos pela riqueza proteica das forrageiras. Jâ em Alcântaras mesmo com registros de pancadas de chuvas não há dados pluviométricos desde o dia 04 deste mês de acordo com o monitoramento da Funceme 

Post. Francisco Freire

Nenhum comentário: