PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quinta-feira, 30 de março de 2017

CAMARA APROVA LEI QUE DESATIVA ESCOLAS EM ALCANTARAS

DEZESSEIS GRUPOS ESCOLARES 'DEIXAM DE EXISTIR' NA ZONA RURAL
Grupos escolares foram revitalizados em 2015 ( Foto reprodução)
A Prefeitura de Alcântaras, zona norte do Ceará publicou na edição nº 1660 do Diário Oficial dos Municípios do Ceará uma Lei que desativa em caráter definitivo dezesseis escolas da zona rural e temporariamente outras cinco. 

A matéria aprovada na Câmara em sessão ocorrida no ultimo dia 17 de março foi sancionada pelo Prefeito Municipal e desativou definitivamente grupos escolares das localidades de Bom Jesus, Sitio São Luiz, Sítio Ipiranga, Sítio Alegre, Sítio Macaco, Sítio Macambira, Sítio Espírito Santo, Sítio Desterro, Sitio São Roberto, Sitio São Jerônimo, Sítio Pai João, Sítio Norte, Sítio Bom Fim, Venturinha, Sítio Flores e Sitio Caldeirão.Todas estas escolas da educação infantil foram construídas no final da década de 80 e muitos há anos caíram no abandono e/ou foram transformadas em postos de saúde, centro de formação ou passaram a ser habitadas por moradores.

Outras cinco escolas também situadas na zona rural, receberam nova denominação, porém também foram desativadas temporariamente como a Domingos Policarpo Pereira em Lanchinha, Gregório Cunha Freire no Sítio São Bernardo, José Marçal de Menezes na localidade de São Bento, Maria do Carmo Higino no Sitio Benedito e a João Caetano Freire no Sitio Espirito Santo. Esta última escola que há anos deixou de funcionar foi desativada definitivamente e temporariamente ao mesmo tempo  conforme a mesma lei. O Portal Jovem entrou em contato com a Secretaria de Educação na tentativa de obter informações quanto ao caso desta última unidade escolar, mas não teve ligações atendidas.

Redação online

Nenhum comentário: