PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

sábado, 5 de novembro de 2016

FOGO VIROU ROTINA NA SERRA DA MERUOCA

 ESTUDANTES REGISTRAM NOVAS CHAMAS EM PALESTINA DO NORTE
Labaredas que atingiram serra de Palestina do Norte
Neste segundo semestre de 2016 o quantitativos de focos potenciais de incêndios que já atingiram a Área de Preservação Ambiental Serra da Meruoca tem chamado a atenção das autoridades ambientais e dos próprios moradores da região que lamentam o estrago feito pelas queimadas.
Na Serra onde uma tragédia envolvendo fogo causou a morte de um agricultor, novos registros de chamas não param de acontecer e de serem registrados por internautas. Na noite da última sexta-feira,04, durante o translado até a cidade de Sobral um estudante de Alcântaras registrou novos indícios de incêndio na altura do Distrito de Palestina do Norte.
De acordo com Márcio Freire, as chamas que devastavam a vegetação ressecada também foram  filmadas por outros estudantes nas imediações da estrada de acesso do Distrito de São Francisco, em Meruoca.
O Corpo de Bombeiros de Sobral que constatimente tem sido acionado para combater as queimadas na Serra da Meruoca informou que na região já foram pelo menos quatro ocorrências em menos de sessenta dias e que ao todo já foram nove registros de incêndios em vegetação.O Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente de Alcântaras, informou que a responsabilidade pela fiscalização das queimadas é do Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade, mas que pretende mobilizar os agricultores do município para explicitar novamente os riscos e as penalidades sujeitas para quem provoca queimadas.

Post.Francisco Freire

Nenhum comentário: