PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

A PARTIR DE 2017: VEREADOR EM ALCANTARAS TERÁ GANHO DE 7 SALÁRIOS MÍNIMOS

 GASTOS MENSAL COM PREFEITO, VICE E SECRETÁRIOS É DE MAIS R$160 MIL/MÊS
Apesar da crise financeira que assola os municípios brasileiros, os gastos mensal com subsídios dos vereadores eleitos para o quadriênio 2017/2020 deve superar o valor de R$60 mil em Alcântaras. Com a recente aprovação da Lei nº 568 de 21 de Setembro de 2016, cada um dos nove legisladores eleitos na cidade passarão a receber por mês, a partir de janeiro do ano que vem, o equivalente a 7 salários mínimos, ou seja R$ 6.485,00 mensais. Já o presidente da Casa, desde que no efetivo exercício receberá R$ 8.500,00. 
Na mesma cidade, como o novo reajuste de subsídios o Prefeito eleito receberá mensalmente o valor de R$ 12.000,00; o Vice-Prefeito um salário de R$ 8.400,00 e cada Secretário Municipal R$ 4 mil reais. Nestes três últimos casos os novos subsídios foram estabelecidos mediantes a aprovação da Lei nº 658 de 21 de setembro de 2016
Em linhas gerais, por mês serão desembolsados pelos cofres públicos um montante de R$ 220.780,00 ( Duzentos e Vinte Mil Setecentos e Oitenta Reais) para cobrir os salários destes servidores, que em média devem ter creditados de 4 a 13 salários mínimos em conta durante 48 meses, após empossados/nomeados. Considerando o momento complicado pela qual a cidade atravessa, cabe aos eleitores avaliarem bem a história, propostas e perfil de cada candidato que quando eleitos serão pagos com dinheiro publico para zelar e garantir benefícios e melhorias em prol da população.

Post.Francisco Freire

Nenhum comentário: