PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

terça-feira, 8 de março de 2016

PREFEITURA E AS HERANÇAS POLÍTICA

MAIS DE R$ 83 MIL SERÃO APLICADOS EM OBRA INACABADA NO SITIO MACACOS
Quadra Esportiva do Silva ( Concluída em 2015) - Foto Edilson Angelo
O cenário de obras inacabadas e/ou abandonadas pelas empreiteiras já é uma realidade que se arrasta há anos em Alcântaras e quem tem passado de uma gestão a outra gerando prejuízos a população e desperdício do dinheiro público.
 Na região das comunidades de  Macacos e Silva o sistema de abastecimento de água firmado através de convênio entre o Governo Municipal e o Ministério da Integração Nacional está parado desde Dezembro de 2008, mesmo já havendo sido liberado o montante de mais R$ 266 mil conforme informa o  Portal da Transparência do Governo Federal. 
A obra iniciada na gestão do ex-prefeito Raimundo Gomes Sobrinho  pela empresa VNC LTDA nunca chegou a ser concluída mesmo havendo sido pago a empreiteira o equivalente a R$ 132.389,01. Abandonada pela empresa vencedora, a obra em novembro passado teve serviços novamente licitados com uma programação orçamentária da ordem de mais de R$ 83 mil e que conforme o Sistema de Convênios tem data limite para a prestação de contas o dia 22 de abril próximo. 
Até ser oficialmente entregue a implantação do micro-sistema de abastecimento de água para atendimento da população no Sitio Macaco e Silva apenas tem gerado desperdício de dinheiro aos cofres públicos e o objeto de proporcionar os serviços de água tratada de de boa qualidade visando a melhoria da qualidade de vida dos moradores continua a ser uma herança política assim como já registrado em com outras obras como a quadra da comunidade do Silva e Sistema de Esgotamento Sanitário de Ventura, obras da mesma época concluídas tardiamente ou ainda inacabadas/inoperantes.

Post.Francisco Freire

Nenhum comentário: