PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

2016: ELEIÇÕES PODERÃO SER MANUAIS

 FALTA DE DINHEIRO ELEIÇÕES NÃO OCORRERÃO POR MEIO ELETRÔNICO
Cédula de Papel - Foto: Museu do TSE
A crise que atinge o Brasil poderá refletir também nas eleições municipais do ano que vem. 
De acordo com uma matéria publicada pela Empresa Brasileira de Comunicação na última segunda-feira,30, o contingenciamento imposto a Justiça Eleitoral inviabilizará as eleições de 2016 por meio eletrônico. 
A informação é citada no texto de uma portaria conjunta publicada no Diário Oficial da União  que diz ainda que mais de R$ 428 milhões deixarão de ser repassados a Justiça Eleitoral o que deve provocar grande impacto no processo de aquisição de urnas eletrônicas com licitação já em curso, cujo comprometimento teria uma despesa orçada em torno dos  R$ 200 milhões. Desde o ano 2000 brasileiros de todo o país utilizam a urna eletrônica para votação.
Em Alcântaras, no Ceará, assim como  outros sete municípios desde  o ano passado a identificação dos eleitores ocorre por meio biométrico. Com o anuncio do corte nos repasses ao poder judiciário eleitores poderão votar com a utilização do antigo sistema de cédulas de papel, o que atrasaria o processo de votação e apuração dos votos. Apesar da noticia, a utilização de cédulas de papel nas eleições do ano que vem é vista como uma possibilidade e poderá ser revista pelo Justiça Eleitoral caso o Poder Executivo consiga acertar suas contas.

Post.Francisco Freire


Nenhum comentário: