PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

terça-feira, 13 de outubro de 2015

HISTÓRIA: ARVORES DECENÁRIAS TESTUMUNHAM EVOLUÇÃO DE ALCANTARAS

  NO CENTRO COQUEIROS GIGANTES 'ULTRAPASSAM' TRÊS DÉCADAS
Bonitos, verdejantes e imponentes uma das paisagens que no passado foi considerada cartão postal de Alcântaras, zona norte do Ceará, completa três décadas testemunhando a evolução do pequeno município serrano.
 Os três coqueiros que já no ano de 1989 ilustraram as telas de um grande painel que por anos decorou o gabinete do paço municipal atravessam o tempo e as gerações do município testemunhando fatos, acontecimentos e a evolução da cidade que nasceu entre serras. 

Com mais de 20 metros de altura, as árvores embelezam moradores e visitantes por seu tamanho e resistência a grandes secas como por exemplo a de 98. Para os mais antigos as plantas já teriam mais de 40 anos, considerando que muitos narram que já quando crianças recordam das brincadeiras e dos poucos que escalavam a arvore para buscar filhotes de aves como o cupido. Nos dias atuais, apesar da forte estiagem que castiga Alcântaras os coqueiros gigantes e por estarem em propriedade particular são as únicas plantas decenárias que ainda existem na sede e que não foram vitimas da ação humana.

Post.Francisco Freire

Nenhum comentário: